Especial para as futuras mães: saiba como facilitar o processo da maternidade

Dia das mães chegando e tem matéria nova especial para as mamães, mais especificamente para as futuras mamães: qual o melhor momento para engravidar? Planejar e conceber um filho exige muito mais do que só uma decisão, engloba vários fatores como sua condição de vida, apoio familiar, e se você tem tempo, disposição e saúde para cuidar de um pequeno, além claro de estar em sintonia com o seu corpo e seu ciclo menstrual. Antes de escolher e mudar seu futuro, é importante se auto conhecer e entender como isso irá te mudar física e psicologicamente, primeiramente entendendo o famoso ciclo menstrual, que por mais comum que seja para nós, ainda existem muitas mulheres que não conhecem seu funcionamento.

Mas afinal, como o bendito ciclo funciona?

A duração do ciclo feminino varia, sendo mais comum que fique entre 23 e 35 dias. O mais provável é que qualquer variação da duração do ciclo menstrual ocorra antes da ovulação. Na maioria das mulheres, a duração do tempo entre a ovulação,quando o óvulo é liberado do ovário, e a menstruação fica entre 12 a 16 dias e é nesse chamado período fértil que ocorrem as maiores chances de engravidar.

O que é ovulação?

A ovulação é um processo onde o folículo que está amadurecendo se rompe e libera o óvulo, que entrará na trompa de Falópio. Muitas mulheres acreditam que ovulam no 14º dia, mas 14 é uma média e a maioria das mulheres realmente ovula em um dia diferente do ciclo menstrual.  Algumas mulheres dizem que sentem uma pontada de dor quando ovulam, mas muitas não percebem nada e não há nenhum outro sinal de que isso está ocorrendo.

Depois  da liberação do óvulo, ele se move pelas trompas de Falópio na direção do útero. O óvulo sobrevive 24 horas após a ovulação, diferentemente da sobrevivência do esperma que está  entre 3 a 5 dias, então os dias anteriores da ovulação e o dia da ovulação em si são seus dias mais férteis, quando há maior chance de haver uma fecundação. Você deve observar e anotar seu ciclo menstrual, sintomas, fluxo e duração, para compreender melhor seu funcionamento e facilitar na hora de engravidar.

É importante lembrar que mulheres que tomam anticoncepcional por um período mais longo terão dificuldades para readaptar seu ciclo e consequentemente ter uma concepção, já que quando se usa a pílula não há o período fértil nem a ovulação.

Quando não há a fecundação do óvulo que foi liberado, seu  corpo abaixa os níveis hormonais e faz com que o revestimento sanguíneo do seu útero seja expulso, que o faz ser preparado para outro ciclo menstrual e gerando a menstruação.

Créditos: http://www.dreamstime.com

Então como devo fazer para aumentar minhas chances de engravidar?

De acordo com Dr. Zaher Merhi, do Centro de Fertilidade New Hope,o ideal é fazer sexo a cada dois dias, após o fim da menstruação. Enquanto a hora do dia em que você faz sexo não é importante, ao contrário do que dizem as crenças populares, quando o óvulo é liberado, a qualquer momento ele pode ser fecundado, seja dia ou noite. Especialistas recomendam que se você tem menos de 35 anos e tentou conceber por um ano e não conseguiu, consulte seu médico. Se você tiver mais de 35 anos, espere seis meses antes de consultar o seu médico para um exame completo que ajude ter um filho, já que há mais riscos de uma gestação nessa idade.

Se auto conhecer e entender a dinâmica do seu organismo pode te trazer benefícios além de engravidar e dar uma vida mais saudável e harmoniosa, a chave é ter paciência e esperar. Compartilhe essas dicas e ajude alguma mulher por esse mundo a se tornar mãe também ❤

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *